Museu da Tortura

A maioria conta as grandes façanhas mas nunca falam nada das histórias em que se deram mal. Como sou mais sincero que médico de UTI vai ai uma história onde fui um babaca.

Estava em Sam Marino uma cidade-pais encravada no meio da Itália. A parte histórica da cidade é na verdade uma grande fortaleza medieval no topo de uma montanha. Para chegar lá pequei uma estrada sinuosa com penhascos assustadores e lindos. Até um ponto onde tive de deixar o carro em um estacionamento e continuei subindo, desta vez em modernos elevadores todo de vidro (tipo o avião da Mulher Maravilha). Assim que sai do elevador o tempo pareceu retroceder 500 anos. Uma imensa muralha, toda de pedra cerca a cidadela. No alto, aberturas para arqueiros e canhões lembram os castelos que crescemos vendo nas histórias. Atravessei um pesado portão guardado por um soldado com um uniforme pra lá de fresco. Do lado de dentro uma casa a esquerda ostentava uma placa dizendo que Garibalde se refugiara ali, a direita numa construção sem muitas pretensões estava o Museu da Tortura.

O Museu estava totalmente vazio, só havia uma mulher muito educada gorda e feia que me recebeu com num inglês com forte sotaque italiano. Ao lado dela uma linda loura permanecia calada e retraída, numa postura bastante passiva. Obvio que minha mente fértil viajou na mesmo hora. Imaginei logo que a dona do museu fosse uma Domme das mais cruéis e a lourinha uma sub tensa e cheia de espectativas, esperando eu ir embora para iniciar os castigos.

Enquanto a sub permanecia como se fosse um abajur a Domme me falava sem parar sobre o museu e seu acervo. Me explicou, que não era um museu completo, se detinha apenas à idade média, mas fez questão de explicar que este foi o período de maiores suplícios. Em um tom que era quase como se desculpasse, me explicou que alguns dos objetos se destinavam a matar a vítima e não apenas castigar. e eu cheio de “Yes, I enderestend” e louquíssimo para entrar no assunto BDSM. Perguntar se praticantes procuravam o museu, se alguem havia feito seções ali, se elas estavam esperando alguém ou se eram um “casal”, perguntar se poderíamos fechar o portão para “conversarmos mais a vontade” (Ualll!!!)

Ou:

Ou o Museu era ideia de uma Ong católica para mostrar como podem morrer os pecadores que ousam pensar em alguma forma de sexo diferente de papai-mamãe? Será que a loura era uma representante do Papa encarregada de identificar pessoas indecentes e deportar acorrentado para ser submetido a uma cerimonia de exorcismo nos porões do Vaticano??? (medo)

Entre um destes dois extremos estava a verdade, e eu só conseguia imaginar uma forma de descobrir: Perguntando.

Sabem o que aconteceu?
Absolutamente nada. :(
Não falei nada sobre o assunto.

A minha timidez que já se manifesta em português ganha força quando o idioma muda. Percorri tudo sozinho, tirei foto de tudo e dei por encerrada a visita.

Sai daquele calabouço que era o museu com uma sensação de poder ter perdido uma ótima oportunidade, mas por outro lado com a liberdade para imaginar o que quisesse. (risos)

Concluo com um conselho e um pedido: Se forem a San Marino visitem o museu e perguntem se rola um BDSMzinho básico. Mas por favor, se rolar não me conte.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


11780 - Borrachas (gominhas) - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 1
11791 - Primeira vez num club BDSM - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 0
21144 - Chuva dourada - Categoria: Fetiches - Votos: 5
21146 - Canudinho - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 0

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico paulopassos

Nome do conto:
Museu da Tortura

Codigo do conto:
21145

Categoria:
Sadomasoquismo

Data da Publicação:
17/10/2012

Quant.de Votos:
0

Quant.de Fotos:
0



contos dengozando com uma mulher de peitãoesposa conto erotico punheta amigoconto erótico buceta cabeluda da minha irmã casadadando cu pra duas mulher contos eroticos straponfotos de jeba descomunal duraconto erotico formaturapolicial estuprada conto eroticoeu confesso desejo imenso de ser cornohistoria erotica sempre eu pega meu genro dormindo pau duroConto porno de incesto meu irmao me come dedi pequenaeu peguei minha mulher no flaga conto eroticofoi ao medico e acabou chupando o pau do medico contos eroticos em quadrinho em 3dcontos eróticos hipnotizei minhamãe parte2conconto erotico minha mulher fude.do com o mednigoquadrinhos prononegao pegou a neguinha ela nao aguetouconto erotico pau pequenowww.contos o tio da minha namorada me enrraboulactation porn comicsConto erotico em q o homem comanda a mulher e ela obedecece1 15 a/grande viagemnegras gostosas arrombadas piroculdos xvideosContos eroticos irma mais velha parte 1Contos eroticos so consigo fazer boquete no papacontos eroticos o istrutor da alta escola pauzudoconto erotico adoro socar a calcinha no cucontos eroticos esse coroa me deixa taradconto fudendo crossdesserconto esposa mamandocontos eroticos comendo gostosocontos eroticos de alpestre rscontos incesto pais e filhaestrupando a eteadacarroceiro maludocontos gay marinheiro roludomãe puta, contoconto casada tinderconto erotico o irmao da minha namorada viu eu comendo elacontos a cdf cabacinhoCONTOS EROTICOS SOU UM CORNO PASSIVOContos.Minha.netinha.bucetuda.dormindo.bebada.pelada.babá gostosa e safadinhacontos buceta chupando:isso chupa vai issoo deliciaconti erotico a massagista enfiou o dedo no meu cu e chupaConto+coroa necessitada de uma piroconacontos eroticos de mulheres casadasContos eroticos mais patroa e enpregado contos eróticoOH FAMÍLIA 4contos de pai pausudo gosador n cu de filhoquadrinhos eróticos de gays o amigo negro do meu filho parte 1ce1 15 a/grande viagemSwing Aclimação casa menageconto erotico carnavalConto d esposa safadinha fico d pau durocontos eroticos de traição no carro e ele nem percebeucomi meu colega contosconto erotico teenContos eroticos zoofilia os filhos do vizinho meteram na cachorra dalmata avo fode netatortura sexual, tarados mordem clitoris da puta e arrombamcontos eroticos meu tio me embebedou e me chupou eu dormimdocontos mostrei minha teta e meu marido nao percebeufodendo com a mãe na cozinha contocontos eróticos minha filha e meu amigoConto erotico gay amigo do meu paichupando imobiliária conto gayQuadrinhos eróticos- enteada sobrinhaxoxotas peladinhas com tezao enfiando os dedosmae indecisa conto eróticosexo gay hqcontos dupla penetraçãoJanaína deu cu virgemparasogrocontos eroticos eu minha mulher e um travest roludooh familia 14contos eróticos de tio pinto grande na secretária gostosapai e filho gays sexo desenhoscontos eroticos com sobrinhas bem novinhasmila adoro ser encoxadacontos gozou na boca do paifotoseróticos angolanoscontos, fui caminhar com a esposa di meu amigocontos eróticos. com/mulheres que visita cadeiascontos eroticos cadelinha do professorConto erótico possessivo em quadrinhoscontos eroticos foderam minha filhinhaporno mae chega da festa bebada e ela vai dormir e o filho aproveita mas a mae fis estar dormido e ela gosta e vez isso mas vezx