Coleta de impostos nada convencional - edição definitiva



Uma fanfic e hentai de Animal Crossing (por favor Nintendo não me processe)

Parte 1 - Estratégia e aquecimento

Bem, estamos novamente na época da coleta dos impostos, e P.B. já planejava em
como fazer os credores pagarem, então convocou Isabelle e Anthony para uma
reunião estratégica, começando: "atenção pessoal, temos alguns devedores esse
ano, e infelizmente são nossos amigos mais íntimos", ao ouvirem isso, eles
expressam reações diferentes: Isabelle estava chocada, e Anthony surpreso pela
notícia, que até diz: "caramba, vai ser meio estranho cobrá-los".

Então a prefeita continua: "eu pensei em algo assim: vocês dois cuidam de duas
duplas, e eu cuido da última", Isabelle diz: "eu posso cuidar do Tom Nook e do
Raymond", já Anthony, ao ouvir isso, comenta: "beleza, eu posso me entender com
as irmãs ouriças, bom pelo menos a Sable", a cadela ri e pergunta: "a Mabel não vai
com sua cara é?", o jovem respondeu, também rindo: "não é isso, é que me dou
bem com a Sable e já até damos uns amassos aqui e ali", "aham, sei...", responde
Isabelle ironicamente, e Anthony pergunta: "me diga prefeita, porque eu e sua
assistente temos que lidar com duplas e você fará carreira solo?", P.B. logo diz: "é
que meu devedor vale por dois, até três.", o jovem pergunta: "ah bobagem, de quem
você vai cobrar?", logo a prefeita responde: "da Ankha.", "ah bom, retiro o que eu
disse", e completou: "aquela gata é dura na queda na hora do sexo".

Assim estava decidido, mas antes da ação, Anthony sugere algo: "escutem meninas,
o que acham de fazermos um aquecimento antes de cobrarmos os aluguéis
atrasados?", a cadela aceita na hora, e por incrível que pareça, a prefeita também
concorda. Logo começam, com P.B. pegando um cintaralho e enfiando na boca de
Isabelle, enquanto Anthony penetrava seu pênis na vagina da cadela, e dizia: "pra
excitar um macho, normalmente se começa caindo de boca no cacete, e se possível,
o esfregue no meios dos seios", Isabelle concorda, e pergunta: "sei que o Tom Nook
é meio medótico com sexo, mas e o Raymond?", e enquanto Anthony e P.B.
revezavam (ou seja, Anthony fazia o seu clássico anal furioso, e P.B. cuidava da buceta), ele diz: "qualquer coisa que fizer com ele é lucro, ele mal transa com
algúem", os gemidos começam a ficar mais altos, especialmente com a prefeita
chupando a xana da Isabelle.

Após o primeiro orgasmo, P.B. e Isabelle empinam suas bundas para Anthony, que
começa a beijar a xana da prefeita, e a masturbar a da Isabelle, que dizia: "sei que
você se entende com a Sable, mas a Mabel é mais calma no rala e rola", P.B.
concorda, e acrescenta: "mas ela gosta de ser surpreendida, então dá seu jeito aí", o
jovem concorda, e enquanto penetrava o cacete no cu da prefeita, que junto da
Isabelle realizava um 69, dizia: "não esquentam, darei meu jeito", e terminou com
P.B. e Isabelle se beijando e roçando as bucetas no pênis do Anthony, com todos
executando um triplo orgasmo.

Enfim, o trio termina e todos desejam boa sorte um ao outro, já que cada um teria
uma longa cobrança pela frente…

Parte 2: Uma dupla de garanhões

Nossa primeira cobradora é Isabelle, que partia para a casa do Tom Nook rodeada
de uma pilha de nervos, que pensava: "poxa, cobrar o aluguel de um banqueiro e de
um fracassado, em o quê fui me meter", mas logo repensa: "pelo menos não vai ser
aquela sádica da Ankha". Chegando na casa do guaxinim, ela logo se depara com
Raymond, que estava de passagem por lá, a recebendo calorosamente.

"Então, o que a protegida da prefeita faz por aqui?", diz o gato de forma sarcástica,
mas a cadela responde, devolvendo o sarcasmo: "pagar o aluguel de um otaku
broxa?", "porra, magoei", diz Raymond tentando parecer durão, mas tava na cara
que não funcionou, então Isabelle logo diz: "chega de bobagem, cadê o Tom Nook?",
"ele tá meio ocupado, resolvendo uma treta judicial", dizia Raymond, que enquanto
falava, tirava suas roupas, e a cadela percebendo isso, exibe seu decote, dizendo:
"tá certo, enquanto isso, vou lhe fazer pagar o aluguel...", e ela começa a fazer um
boquete no gato, e pensava: "que pênis minúsculo, até o do antigo prefeito era
maior, e olha que ele era um broxa…".

Raymond tava bem animado, e após gozar na cara dela, pergunta: "posso
continuar?", Isabelle concorda tirando suas roupas, e logo empina sua bunda,
dizendo pro gato: "venha logo bonitão...", Raymond se anima e penetra seu cacete
no cuzinho dela, que gemia e uivava, adorando a situação, e até pergunta: "quem
diria que um nerd pudesse excitar tão bem, onde aprendeu a ser tão bom?", "o
Anthony me ensinou uns truques maneiros para sexo", e após gozar, fala: "pronto, o
Tom Nook deve estar esperando...".

Isabelle logo chega para o quarto do guaxinim, e pensava: "até que o Raymond é
bom no sexo, pelo menos algúem poderá pagar o aluguel", e ao entrar, Tom Nook
diz: "oi Isabelle, há quanto tempo...", a cadela logo corta o papo dizendo: "sem essa,
só me paga o que você deve", e completa: "é até raro você ficar devendo...", mas ele
corta o papo exibindo seu grande pênis, dizendo: "mas pelo menos, tenho meios
nada ortodoxos para pagar...".
Logo Isabelle esfrega seus peitos no cacete dele, que o deixa excitado, e ele logo
diz: "calma Isabelle, quero te sentir de outro jeito…", e então ele a deixa na mesa,
penetrando o seu pênis em sua vagina, com direito a altos gemidos de ambos, e
terminam gozando forte.

A cadela estava exausta, mas Tom Nook fala: "não esquenta, é melhor você tomar
uma ducha, enquanto eu e o Raymond te esperamos na sala pra lhe pagarmos", e
ela concorda. Quarenta minutos se passam, e ela logo chega nua pra sala, onde os
dois machos a esperavam, também nus, e ela pergunta: "prontos para o terceiro
round?", e logo abria suas pernas, dizendo: "dessa vez vou querer um
revezamento", ou seja, Tom Nook realizava um anal, e Raymond se concentrava na
buceta, o menage entre eles tava bem intenso, e logo após o primeiro orgasmo,
Isabelle decide fazer um duplo boquete, mas logo Raymond repete o anal feito mais
cedo, e Tom Nook continua o trato na xana, terminando com o segundo orgasmo
dos três.

Isabelle, agora satisfeita, finaliza; "mandaram bem, fazia anos que eu não excitava
dois machos até o limite", Raymond então diz: "eu que agradeço, finalmente pude
transar com alguma fêmea", e Tom Nook logo diz: "e você me animou em um momento difícil, enfim, todos saíram ganhando", logo eles pagam o que devem e ela
volta pra casa, sentindo-se vitoriosa, e pensando: "espero que Baunilha e Anthony
tenham sorte, eu já fiz minha parte.".

Parte 3: Doce lar Alabama

Nosso próximo cobrador é Anthony, que partiu para a lanchonete das ouriças, e
diferente da Isabelle, ele estava mais calmo e pensava: "só mantenha a calma, você
se entende com a Sable, então será tranquilo.". Ao chegar na lanchonete, ele é
recebido por Sable, que dizia: "olá Anthony, que milagre em ver você", o jovem
responde feliz: "puxa vida, eu digo o mesmo Sable", mas corta o barato
perguntando: "desculpa a pergunta, mas cadê sua irmã?", "veio cobrar o aluguel da
gente?", pergunta a ouriça marrom, e o jovem respondeu relutante: "sabe como é,
sou só um subordinado da prefeita", Sable até brinca com a situação dizendo:
"abaixo da Isabelle", Anthony logo ri e pergunta: "enquanto a Mabel não chega,
podemos negociar?", Sable, ao perceber as intenções dele, abaixa seu avental e
logo diz: "claro…".

Logo os dois começam a se pegar um canto privado, com Sable dizendo: "puxa, é
tão bom transar com você", Anthony agradece o elogio, e diz: "só estou me
aquecendo, esperando a Mabel", "ela vai demorar a chegar, então se acalma…",
completa Sable enquanto beijava Anthony. Mas o que ele não sabia é que Mabel
estava na verdade escondida o observando, e pensava: "é, até que ele é meio sexy,
minha irmã tá fazendo um bom trabalho com ele", e logo entra no meio da cena,
dizendo: "olá meu jovem, posso me divertir também?", Sable dizia enquanto era
enrabada por Anthony: "porra irmã, ele tá bem gasto", apesar do cansaço, ele
consegue repetir seu anal furioso na ouriça azul, que dizia: "ai que tesão, você é um
homão da porra", "valeu, só faço meu trabalho", nesse meio tempo, as ouriças
esfregavam suas bundas no cacete do jovem, que dizia: "calma belas irmãs, tô
carregado de novo", logo o jovem ganhava um boquete da Sable enquanto ele
chupava a buceta da Mabel, que dizia: "puxa que língua atrevida, vejo que a prefeita
te ensinou muito…".

Após a diversão deles, Anthony parecia meio cansado, e Sable pergunta: "o que foi
meu bem? Não parece tão confiante após o sexo", Anthony logo diz: "não é verdade,
sempre me animo com isso...", e logo admite: "é que depois de ter sido excitado por
alguém como a Ankha, sei lá, todas ficam sem graça...", e Mabel, ao ouvir isso, diz:
"sério que aquela vadia conseguiu derrubar até o cara mais equilibrado?", e logo
completa: "não esquenta, vamos lhe mostrar como se excita alguém".

E então a diversão final começa: as irmãs pressionam seus belos seios na cara do
jovem (Mabel na esquerda e Sable na direita), enquanto o masturbava, e ele pensa:
"5 contra um em dose dupla? morri e entrei no paraíso sem perceber?", com o pênis
dele duro, a ouriça azul executa um boquete, enquanto o jovem e a ouriça marrom
se beijavam, e logo Sable sentava na cara do Anthony, enquanto Mabel encaixava
seu cuzinho no cacete duro, finalizando com um triplo orgasmo.

Após o final, Mabel diz: "parabéns Anthony, você fez por merecer o pagamento", e
então levanta, deixando ele e sua irmã se pegando, algo que durou uns dez minutos,
e Anthony até ganha um lanche especial (o clássico cheeseburger com fritas e
nuggets) da Mabel, e quando ele voltava, dizia: "eu sou o cara, excitei minha ouriça
de chocolate, convenci a irmã dela a pagar e ganhei jantar de graça", e por fim
pensa: "a prefeita e a Isabelle vão rachar de rir com minha cobrança, quem sabe me
dão um aumento por isso?", enquanto caía na gargalhada.

Parte final: Equilíbrio de forças

E agora é a vez da cobradora mestre, ou seja, nossa bela prefeita Baunilha, que
estava animada mas ao mesmo tempo nervosa com a sua cobradora, e pensava:
"eu sei que já fiz a Ankha pagar o aluguel, mas ela não é uma mulher que se excita
fácil, então preciso dar tudo de mim".

Ela entra na casa da gata, que estava com as luzes apagadas e algumas velas
acesas, logo Ankha começa a dizer: "bem vinda prefeita, eu sou o maior desejo
sexual dessa ilha...", mas P.B. não cai na conversa e acende a luz, dizendo: "corta
essa, para de enrolar e me paga o que deve", a gata concorda, e enquanto tirava
seu vestido, oferecia uma garrafa de vinho, a qual P.B. aceita de bom grado, e enquanto bebia, perguntou: "que vinho gostoso, têm algo a mais nele?", Ankha
responde: "nada demais, é só um vinho caseiro que eu mesmo preparo", mas
durante a bebedeira, a gata pensava: "essa prefeita mal sabe que batizei meu vinho
com um feromônio que fará ela ficar doida por mim".

E para o tal feromônio fazer efeito, Ankha diz: "começa a se despir pra mim
prefeita…", e P.B. a obedece, se despindo pra ela com um olhar apaixonado,
pensando: "é impressão minha ou a Ankha tá mais gostosa que antes?", a gata, ao
perceber isso, senta na sua poltrona e abre suas pernas, dizendo: "pode começar a
me excitar...".
P.B. já não perde tempo, e começa a beijar a xana da gata, e continua pensando:
"puxa, que buceta gostosa...", e logo decide tentar uma brincadeira: ela enfia um dos
seus dedos no cu da gata, que ao sentir a pontada, pensa: "puta merda, dedada no
meu cu de novo?", mas antes de xingar a prefeita, ela começa a lamber seu clitóris,
então Ankha repensa: "ah, pelo menos ela é corajosa em beijar aí, então passa", e
não demora muito para P.B. fazer Ankha ter um orgasmo.

Podia ter sido o primeiro orgasmo, mas elas não queriam parar, então Ankha empina
sua bunda para P.B., dizendo: "pronta para a segunda parte?", a prefeita logo se
anima, e continua a lamber a xana da gata enquanto a abraçava, e enfim o
feromônio fez efeito, e P.B. pensa: "caramba, eu quero essa gata", e vira a Ankha de
novo, enquanto continuava a excitá-la, e a gata pensava: "beleza, ela já está
apaixonada…", e P.B. continuava assim: beijando a vagina, subindo para o umbigo,
e logo começou a chupar os peitos (lambendo os mamilos nesse meio tempo),
fazendo Ankha se sentir no paraíso.

Mas P.B. começa a lamber as axilas dela, e Ankha tenta segurar o riso pensando:
"filha da puta, toda vez que transo com ela, ela me lambe aí", a prefeita logo
continua, e a gata continuava segurando o riso até não aguentar, e então decide
enrolar seu rabo e esfregar nos pés da prefeita, e dizia: "duas podem fazer esse
jogo", e P.B. acaba cedendo rindo e dizendo: "para Ankha, chega de cócegas",
"então não faça cócegas em mim porra", responde Ankha.

Após se recuperarem, a gata abre o jogo: "escuta prefeita, eu meio que 'batizei' o
vinho com um feromônio que te excitava e te me desejar pra fazer sexo", P.B. fica
meio puta, mas admite: "eu meio que esperava isso de você, então pensei em algo",
e ela pergunta se sobrou mais do vinho, a gata diz que sim, e até entrega a garrafa
pra prefeita, mas só bebe metade, dizendo: "quero que você beba o resto disso",
"porque, se isso me dá vantagem?", pergunta Ankha, então P.B. respondeu: "se eu
quiser te excitar, quero estar em igualdade de condições com você.".

Então P.B. dá um beijo na Ankha, que topa beber o resto do vinho 'batizado' de uma
forma sensual, ou seja, chupando o vinho direto no umbigo da prefeita, e o
feromônio logo fez efeito nelas, e o resultado foi incrível: Ankha chupava os peitos e
a vagina da P.B., que devolve o favor masturbando a gata e lhe dando seu clássico
beijo de língua, e encerraram com elas executando a clássica 'tesoura', com Ankha
dizendo: "isso é puro tesão, sua tesoura é incrível, como consegue executá-la com
perfeição?", P.B. responde: "eu pratico isso com a Isabelle vez ou outra", e terminam
com um duplo orgasmo delas, e Ankha diz, exausta: "prefeita, você me surpreende a
cada visita, você mereceu o pagamento", e enquanto dizia, lhe entregava o dinheiro
do aluguel, e P.B. agradece e volta pra casa.

Epílogo

Chegando em casa, ela encontra Isabelle e Anthony a esperando na sala de
repouso (jogando videogame e rindo de suas cobranças), e a prefeita logo fala sobre
sua noite com Ankha, e Isabelle a abraça dizendo: "essa é minha Baunilha,
implacável ao pagar o aluguel", e Anthony manda um "toque aqui" pra ela,
comentando: "isso aí prefeita, mandou bem com aquela deusa", P.B. agradece os
parabéns, então Isabelle dá uma sugestão enquanto eles se preparavam para
dormir: "nós mandamos bem, o que acham que relaxarmos em um SPA amanhã?",
"eu aceito", diz P.B., e pergunta: "e você Anthony, vem com a gente?", e o jovem
responde: "contem comigo, esse trabalho é meio chato mesmo", e os três riram
disso, e enfim foram dormir exaustos, mas felizes.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario casalbisexpa

casalbisexpa Comentou em 12/01/2022

Delícia demais




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


190399 - O caso da cadela tarada - Categoria: Lésbicas - Votos: 1
190463 - Uma cobrança complicada - Categoria: Lésbicas - Votos: 0
190492 - Promessa é dívida - Categoria: Lésbicas - Votos: 2
190509 - Uma folga tropical - Categoria: Lésbicas - Votos: 1
190535 - Diversão a três - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 1
190545 - A alfa dominante - Categoria: Lésbicas - Votos: 2
190779 - Um suborno convincente - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 1
191037 - Dupla parceria, dupla diversão - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 0
191435 - Encrenca alcóolica - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 0
192088 - O melhor presente de natal - Categoria: Lésbicas - Votos: 1
193033 - Espiadinha e prática sexual - Categoria: Heterosexual - Votos: 0
193072 - Como excitar sua prefeita (repostagem) - Categoria: Lésbicas - Votos: 2

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico wolfninja69

Nome do conto:
Coleta de impostos nada convencional - edição definitiva

Codigo do conto:
193281

Categoria:
Grupal e Orgias

Data da Publicação:
12/01/2022

Quant.de Votos:
2

Quant.de Fotos:
0




ele quis ver meu.pau contocontos gay o negao arrombou meu cuzinhomenininha assanhada sedutora do bucetao em contos eroticoscontos eroticos comi a tiazinhacomendo meu primo dormindoDesenho De Porno Gay Em Quadrinhosflagroucontos"cuzinho ardendo" contosconto erotico mmaClimax de contos eroticos angolacaminhonheira hetaicontos eroticos bebendo cafe com porraContos eroticos gay quando vi o cacete do velho ate tremi mas minha esposa disse para nao ter medo e ele enfiou tudo sem dortransei com a vizinha coroa casada conto eróticoclitorio grande n cio melandoconto erotico minha mulherzinha honestacontos porno em quadrinhos de mulheres casadas com muito tesao traindo marido com negao roludocontos gays arrombando cu de casados e sendo pego no flagraContos eroticos so gosto de fazer brochecontos eroticos com fotoscontos eroticos - me enviaram dedos gostosos na vagina no onibusquadrinhos 3d pornôTirei os dois cabaços da buceta e do cu da minha sobrinha fiz ela ser mulher ela era minha amante conto eroticoadorei ser encoxada pelo meu filhocontos eroticos gay de dando uma mamada no moleque moreninho claroConto eroticos papakuputa safada chorando nas picas de três marmanjos de cassetes grosso fazem sem dô tripla penentraçãoHentai mae safadadepilando a minha tia gravida contos eroticosSexo com Beto PapakuMassageando grelo da amiga do sofacontos eroticos comi a rabuda do predioconto erotico um touro gozou na minha bucetaQuadrinho porno a minininha safadatravesti do pinto grandeContos de sexo comi o cu da vendedora de revista novinhavelho metendo em netinha porno Lactofilia contoscontos eróticos incesto ofereci minha filha pro meu amigo comergostosa mostrando seu bucetaofodas gay, insestos em quadrinhos de pai e filhos, 02/03/2017www.cantos eroticos quase me matou fudeno meu cuPorno incesto bisexual em família suruba orgia contoshydreigon e seu dono pornoconto minha esposa me puniu com um dildoconto erotico cheirano calçinha minha amiga me pegol com a calçinha estrupando a eteadaperdir a aposta e tive que fa a bucetaContos gay com espadachimLactofilia contoscontos eroticos dei a bucetinha com 11 aninhosa desdita dando a bucetinha para o clienteconto erótico priminhas inocenteconto gay gesseirocontos em quadrinhos porno maes putas garotos roludosmassagem erotica cunhada negra contosvideo porno noiva engrvidar do cunhado antes de casarcontos camioneros fudeno.com.brcontos excitantes relatados por mulheresconto erotico_fui comida na aposta do meu maridocalca camuflada e pau duro porno gaydoce nanda contos eroticostesao na quarentena,contosHistoria vizinha velha dando bucheta contoConto goza pai ui ui no cucontos erótico fingi que dormia e comi minha filhacontos eroticosfodendo escondido do meu maridocontos minha sobrinha é tezaorelatos de cornos mansosConto hot mastubando na sala de aulaconto corno porn biConto erotico de garçom do jebao e meninagayzinho safado dando com putaria para magrinho jeguinhoxvidioempregadasindiazinhas peladafui abusada pelo meu primocontos eroticos de incesto: mamae me ajudoporno doctora juguetecontos eróticos me vez chantagem meu amigo me comeuFoto de gay pauzuda em ctbaquero ver sua rolacontos eroticos tarde especialconto erotico eu hoje fui comido no cinema em bhtecumendo o cu e bucete da venderora de mobiliariaconto erotico negao pirocudo na praia de nudismo e o corninho manso e humilhadoconto incesto q boceta boacontos eroticos ensinando o garotinho a dirigirSexoeu minhas primas eo cachorro contos eróticosporno onibos lotado casada e agarrada por outro na cara do cornocontomorenaboaConto erotico quase pego no fragafotos da mae peladacontos eroticos com pai anãoContos eroticos titias caindo na rola grossa do sobrinhohentai quadrinho chavesconto erotico lesbianodwolland coroas para namoroaureolasgrandesenegrascontos eroticos sentei no fuzil