Gozando dentro da minha irmã

Depois de passar um gostoso final de semana na casa de meu amigo eu voltei para minha casa, no final de tarde do domingo. Minha irmã poucos anos mais nova que eu, estava com uma amiga que era bem bonitinha. Estavam na sala conversando e eu pude perceber olhar da mocinha para mim quando passei. Eu achava aquela a mais gostosa das amigas de minha irmã. Loira, magra, alta, olhos extremamente azuis e cabelo encaracolado. Um tesão de menina. Fiquei imaginando com ela deveria ser nua e meu pau já deu sinal de vida, pois estava com o tesão acumulado do fim de semana.
Já durante a noite, todos foram dormir e eu fiquei na sala assistindo tv. Daqui a pouco minha irmã apareceu e sentou no outro sofá, quase na minha frente. Começou a se ajeitar no sofá e logo estava deitada. Ela estava com um cobertor, cobrindo todo o seu corpo. Logo eu sentei no mesmo sofá que ela e comecei a passar a mão em suas pernas, por debaixo do cobertor. Ela não mudou de expressão e também não me proibiu de fazer isso, então eu continuei. Quando minha mão tocou sua buceta, ela fechou os olhos e fingiu estar dormindo. Eu subi sua saia e tirei o coberto de cima dela. Puxei sua calcinha para o lado, que visão maravilhosa eu tive: eu nunca tinha visto até então uma buceta tão molha da como a dela. Me abaixei e comecei a chupar. Ela se contorcia e suspirava. Subi até perto de seu rosto e perguntei em seu ouvido:
- Posso tirar a tua calcinha? Tá atrapalhando...
Ela não espondeu, mas quando eu coloquei as mãos nas laterais de seu corpo e comecei a puxar sua calcinha para baixo, ela levantou o corpo e me ajudou a tirar a pequena peça. Sua calcinha estava toda melada. Eu lambi a calcinha e deixei quase limpa. Desci até sua buceta e abocanhei com vontade. Como era gostoso o líquido transparente que saía de dentro dela. Percebi que minha irmã gozava cada vez que suas pernas começavam a tremer enquanto ela se contorcia, e isso aconteceu várias vezes. Comecei a foder sua buceta com meus dedos e logo eu estava passando meu pau na mais melada das bucetas. Sem abrir os olhos ela simplesmente me empurrou, me fazendo sair de cima dela. Pegou seu cobertor e foi para o seu quarto. Achei estranho, ela entrou mas não fechou a porta. Fui conferir e ao chegar em seu quarto, com a cama iluminada apenas pela luz da janela, vi que minha irmã estava deitada completamente nua e com as pernas muito abertas. Como para bom entendedor, meia palavra basta, eu logo me aproximei e voltei a chupar sua buceta. Minha irmã tem uma buceta inchada, grande e de pele escura. Eu enfiava a língua o máximo que conseguia enquanto apertava seus peitos. Minha irmã tinha o corpo muito mais desenvolvido do que o normal para alguém da idade dela. Tinha grandes seios duros e redondos, com bicos escuros. Sua bunda era algo que combinava com seus peitos pois era, como eles, grande e redonda. Por várias vezes eu já tinha esfregado meu pau na bunda dela durante a noite e também já havia passado o dedo na buceta dela, mas desta vez estava tudo se encaminhando para que o melhor acontecesse. Ela gemia baixinho enquanto eu a chupava e eu então coloquei novamente meu pau na portinha de sua buceta e comecei a pincelar. Quase não aguentando mais de tesão eu empurrei um pouco mais a cabeça do meu pau para dentro de sua buceta. Percebi que ela abriu os olhos e ficou me encarando, a luz da janela era fraca, mas pude ver muito bem o jeito sério como ela me olhava. Mas ela não moveu um centímetro e eu continuei a meter. Quando a cabeça do meu pau entrou em sua buceta, ela suspirou e fechou os olhos. Eu empurrei mais e logo estava com meu pau todo dentro dela. Entrou muito fácil, ela estava muito melada. Meu pau estava melado e eu conseguia ouvir o barulho que fazia durante o entra e sai de meu pau na buceta dela. Procurei beijar sua boca, mas ela virou o rosto, não deixou. Eu estava louco de tesão e não estava nem acreditando que estava finalmente comendo a minha irmã. E o melhor de tudo, ela estava começando a corresponder, porque começou a fazer alguns movimentos enquanto eu a fodia. Quando eu percebi que não tinha mais como segurar meu gozo, tirei meu pau de dentro dela e fiquei parado, até a sensação de gozo passar, eu não queria que aquilo terminasse tão cedo. Assim que eu percebia que estava mais controlado, voltava a meter o pau nela, até o talo. Na terceira vez em que tirei meu pau de dentro e dela percebi que ela estava de olhos abertos novamente, me encarando até o momento em que voltei a penetrar sua buceta. Então ela colocou os braços em volta de meu pescoço me puxando para baixo, fazendo automaticamente meu pau todo entrar nela e suspirou profundamente já com seu corpo tremendo. Quando tentei tirar meu pau de dentro dela, ela simplesmente entrelaçou suas pernas na minha cintura, me segurando dentro dela. Me desesperei, porque estava quase gozando, fiquei com medo e entção ela me puxou como se fosse me beijar, virou o rosto e falou no meu ouvido:
- Goza aí dentro, eu quero isso
Eu perdi a noção de tudo naquele momento. Meu gozo veio tão intenso que meu corpo todo endureceu, eu tinha fortes dores no meu saco, nas bolas, achei que meu pau ia explodir. Perdi as forças e a razão. Realmente eu não sei se fiz algum barulho, mas eu gozei muito e foi tudo dentro dela. Fiquei meio tonto e sem ação.
Quando terminei de gozar desabei sobre minha irmã. Eu sentia seu coração batendo e sentia também sua buceta contraindo os músculos em torno do meu pau, e isso estava me dando mais tesão. Minha irmã me empurrou para que eu saísse de cima dela. Eu levantei o corpo mas não tirei meu pau de dentro dela. Lentamente comecei a mexer meu pau começando uma nova foda. Rolei para o lado e a puxei para cima de mim. Ela montou em meu pau e eu fiz com que ela inclinasse o corpo para frente, assim eu pude ter o prazer de chupar seus peitos enquanto sentia ela rebolando no meu pau. Depois que ela gozou eu não demorei para dar minha segunda gozada, novamente dentro dela. Ela então saiu logo de cima de mim e veio até perto do meu rosto. Não tive reação alguma, ela simplesmente sentou com sua buceta na minha boca e disse baixinho:
- Me limpa bem, senão não ganha mais.
Eu fiquei tão excitado com aquilo que nem pensei duas vezes, chupei e lambi bem sua buceta, sentia o gosto de minha porra misturada com o gozo dela, mas aquilo estava tão gostoso que, quando terminei de chupar sua buceta, fui para o banheiro lavar o rosto que estava todo melado e acabei batendo uma punheta. Na volta entrei no quarto de minha irmã, puxei seu lençol e ela me disse em tom de desaprovação:
- Sai daqui, vai pro teu quarto, senão eu chamo a mãe!
Não entendi nada, só queria agradecer dando mais uma chupada nela, mas acabou ficando para outra e outras vezes.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario

Comentou em 11/11/2019

putz mano, nunca curti contos de incesto, mas esse teu...pqp

foto perfil usuario casalbisexpa

casalbisexpa Comentou em 11/10/2019

delicia de conto ... amo incesto veja em nossos contos ... só faltou as fotos

foto perfil usuario ksn57

ksn57 Comentou em 11/10/2019

Votado - Além de guloso de leitinho de saco, também gosta de Leitinho da Irmã, bom demais, verdade ?




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


145622 - Prazer e mais prazer - Categoria: Gays - Votos: 9
145659 - Banho depois do banho - Categoria: Gays - Votos: 7
145891 - A Cliente - Categoria: Heterosexual - Votos: 2
146060 - A vizinha - Categoria: Heterosexual - Votos: 6
146216 - Muito nova - Categoria: Heterosexual - Votos: 5
146233 - Rabo guloso - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
146507 - Mamãe - Categoria: Incesto - Votos: 13
146792 - A namoradinha do cliente - Categoria: Traição/Corno - Votos: 17
147022 - Baile animado - Categoria: Heterosexual - Votos: 9
147066 - Segue o baile - com a comadre - Categoria: Traição/Corno - Votos: 10
147070 - O chuveiro da comadre - Categoria: Traição/Corno - Votos: 16
147138 - Trabalho especial - Categoria: Gays - Votos: 10

Ficha do conto

Foto Perfil andre1976
andre1976

Nome do conto:
Gozando dentro da minha irmã

Codigo do conto:
145663

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
11/10/2019

Quant.de Votos:
18

Quant.de Fotos:
0



conto erótico gay amigos da famíliacontos eróticos bi me separei da minha esposa dei para meu amigoConto ertico so sobrou as batata parallel forairmaogayboquetequero leitinho papaihistória em quadrinhos de irmao gay com irmao sqrado gostoso cacetaocoroas pauzudosconfissoes e relatos swing brasilporno brinquinho co a picona na buseta da mulhercontos eroticos incesto ensinei minha filha fuderConto Erotico Gay conhecendo o prazer com o vizinhoquadri nho porno escritorionovinha sendo estrupada rasgando toda no c****** de rodelascontos eroticos de travestis com fotos ,e cdzinhascontos eroticos meu padrinho tirou meu cabaçonovinhas e seus contos pornoconto erotico esposa praia negao meio pau para foraconto erotico velho abusando menina pirulitoxxvideos muleque da cu para o coleguinhaconto erótico calcinha peõescachorros enormes comeram minha chana contos eróticosfilme pornô dos Simpsonsxxxxxvideos sobrinho e tia moz manha 2016Contos erticos picantes de gays com fotos ilustrativasConto casada atacada pelo pedreiroConto erotico Bernado e Manuelasou advogada e meu cliente me comeu. desabafotransei com meu cachoro historiasa senzala hq eróticoContos e fotos filhos pauzudosver mulhres gozado muito nimpauperdi as preguinhas do cu quando era pequenacontos erotico meu padrasto me comeu eu gemi falando sacanagemquadrinho erotico prostitute parte 5contos eroticos gays: anaocontos eroticos o desconhecido desamarrou o biquini da minha mulherfiquei com pena do meu pai conto erotico incestusovideos amadores de gugagutocontos eróticos com fotos tesão amigas sem controlealuno pau grande contos deixa eu mete banheirocontos eróticos gay canavialContos eroticos flagra de traicaoQuadradinho erotico conto 2006magros roludoscontos conquistei papai pauzudogibi porno estrupoConto erotico garotinho fode primasconto erotico dei o cu pro meu filhocontos eroticos lesbicos 2017quadrinhos eroticos a confissaocontos eroticos um casal passando férias na casa de um casal de amigosneguinho pauzudo contosmestica greluda fode e gemevigiei a mulher conto eroticoconto entreguei minha mulher pro garotaocontoa eroticos gay diegaodesenrolar do BoyzinhoA Mulher Cuzuda do amigo Contoscontos eroticos coletania traiçao esposasdei ocu para o meu padrinhodei a buceta pro borracheiro contos eroticosquadrinho erotico-a mulher do marceneirowww.fotos.morena.safada.fudendo.dlangeri.sex.contos.sexcontos gay nóiavelho metendo em netinha porno meu filho me fode contocontos de incesto com fotocontos eroticosde esposadando pra outroclimax me bolina ler contoconto erotico primo jantageando prima para tranzar conto fiz aposta de chupar e engolir oporra do meu irmao mais novocontos grávida dei pro papai pauzudoconto erótico descobriChupou meu pau grande amigoconto erotico maetetas sendo mamadas lactofiliaContos eroticos minha avo da pra todo mundoconto erotico de casal com sua amigacontos sexo corno a tresfodendo a negra rabudamulher transando flAgranteContos eroticos transando com monstros com picas monstruosascontos eroticos o menininho pequeno e o camionheiro malfadocontos eroticos sogro tarado me pegou na pescariadetonaram meu cuzinho largo contosconto comir minha mae negraquadrinhos porno pokemon HQdei promeu cunhado jeanouvi um barulho estranho de noite fui olhar era meus pais trasando video pornosou uma negra.rabuda.contosconto ajudando meu paicontos+eroticos+cuecas+coloridas+da+madrastacontos eroticos gays primeira vez na infânciacomi minha cachorra bace zoofiliabuceta pro maninho separado contosnovinho da o cu sem lubrificante e chora sexo gayzoofilia cachorro viciado emfuder buceta de mulher de quatrohq de sexo entre familiacontos eroticos com lixeiroscontos erotico escravizei e depilei minha sogra